CONTEXTO

Embora as informações relacionadas à produção artesanal têxtil brasileira não sejam precisas – devido à ausência de dados formais – estimativas indicam que milhares de pessoas se dedicam a esse setor na cidade do Rio de Janeiro. São na maioria mulheres que precisam complementar o orçamento das famílias e, por precisarem ficar em casa, se dedicam ao trabalho artesanal. Esse potencial é disperso e desorganizado e as novas gerações perdem interesse pela atividade, o que leva à perda de conhecimento na produção artesanal.

Além disso, grande parte dos produtos artesanais têxteis não têm um nível de qualidade que permita o seu acesso ao mercado. Consequentemente, as artesãs têm dificuldade em comercializar seus produtos – geralmente restritos a feirinhas informais onde os preços são baixos e, portanto, a atividade não consegue contribuir significativamente para o orçamento doméstico. 

É deste quadro que nasce a proposta da COOPA-ROCA, contribuindo para o aperfeiçoamento e renovação do artesanato têxtil. Além de melhorar a vida das artesãs, trabalhando em casa, a atividade promove a identidade cultural e a economia local.

CONTEXTO-AKH_6423CONTEXTO-AKH_6423
CONTEXTO-oficina_bordao_finalCONTEXTO-oficina_bordao_final
CONTEXTO-ANDREA-BRIGIDACONTEXTO-ANDREA-BRIGIDA
COTEXTO-marciaCOTEXTO-marcia
Rolar para cima